Aprender com as boas práticas: intercâmbio em Singapura

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Singapura é um país situado no extremo sul da península da Malásia, posicionando-se como um dos principais centros financeiros internacionais e detentora de um dos cinco mais movimentados portos mundiais, entre outros marcos (fonte: wikipédia). Tornou-se independente da Inglaterra em 1963, tendo-se juntado depois à Malásia na formação da Federação da Malásia até ao ano de 1965, altura em que abandonou a federação, adquirindo a sua independência total. Desde então tem vindo a crescer economicamente, sendo considerado em vários estudos um caso de sucesso económico.

 

Tendo por base o estabelecimento de redes e relações com aqueles que podem contribuir para o desenvolvimento positivo da Guiné-Bissau e recolher as lições e melhores práticas pelo mundo e os programas que poderiam ser adaptados ao contexto guineense, três membros do Instituto Benten estiveram em Singapura entre 13 a 17 de Abril para participar de um intercâmbio com organizações e personalidades daquele país.

 

Durante a estadia em Singapura, a equipa do Benten reuniu-se com várias organizações, entre elas a Vector Scorecard (VSC)- empresa que utiliza a tecnologia como instrumento de capacitação e avaliação de projectos- e a Singapore Business (SBF) Federation- organização responsável por zelar pelas relações comerciais dentro e fora do país. Houve ainda oportunidade para uma breve conversa com o ex-primeiro ministro, Lee Kuan Yew a propósito da estratégia adoptada para o desenvolvimento económico da República da Singapura.

 

Ainda nos próximos meses, o Instituto Benten pretende promover uma atividade de brainstorming em Singapura com uma equipa mais alargada e de diferentes áreas de estudo, em torno da discussão sobre projetos estruturantes que visem o desenvolvimento socioeconómico da Guiné-Bissau.